COVID-19: Como higienizar suas joias na pandemia



Conheça as cores do ouro 18K e suas diferenças

Postado por Amanda De Nardi em

3 minutos de leitura. Texto de Sofia Couto.

Se você acompanha as novidades das joalherias, com certeza já se deparou com o ouro em tonalidades diferentes. Ouro amarelo, ouro branco e ouro rosé são o must-have de toda joalheria e quase sempre eles vão estar na liga 18K (pra entender tudo sobre as ligas de ouro, tem um textinho aqui). Mas estas não são as únicas cores que ouro pode ter. Pelo contrário: talvez seja até impossível limitar suas tonalidades. 


Amanda_De_Nardi_Joias_Online_Ouro_Cores_Branco_Rose

O espectro de cores possíveis para liga do ouro 18K é muito amplo.

O ouro pode assumir inúmeras tonalidades porque isso é definido pela variedade de metais que, quando misturados ao ouro mil, influenciam sua aparência e o comportamentodo metal. Demonstramos aqui algumas das cores mais conhecidas:

Ouro Amarelo, ou apenas Ouro

O ouro amarelo 18K é a liga mais famosa da joalheria, principalmente por preservar, com relativa fidelidade, a cor original do ouro: um dourado reluzente, inconfundível e não encontrado em nenhum outro metal. Essa liga normalmente é feita de 75% ouro mil, 12,5% de prata e 12,5% de cobre, mas essa proporção pode variar de acordo com o saber-fazer local e a cultura da empresa.

Ouro Branco

Quando prateada, a liga de ouro 18K é chamada de ouro branco e pode ser confundida com outros metais preciosos, como a prata e a platina. Comumente, sua composição é feita de ouro, paládio e prata. Uma curiosidade sobre essa liga é que sua verdadeira tonalidade tem reflexos amarelos, parecidos com o ouro champanhe, e a joia precisa ser banhada em ródio para ficar com o acabamento prateado e seu esplendoroso brilho cinza-esbranquiçado.

Ouro Rosa ou Ouro Rosé

O ouro rosa 18K é a liga de ouro que tem reflexos acobreados. Assim como o ouro amarelo 18k, essa liga é composta por ouro, prata e cobre, mas aqui a proporção de cobre em relação à prata é bem maior, sendo normalmente: 75% ouro, 20% cobre, 5% prata. O brilho dessa liga é encantador e bastante delicado. Dentre as ligas de ouro 18K, essa é a que está mais suscetível ao processo de oxidação, podendo haver a redução do brilho da joia mais rapidamente do que em relação a outras ligas 18K.

Ouro Champanhe

 

Amanda_De_Nardi_Joias_Ouro_Champanhe

Conjunto de alianças e anéis de Ouro Champanhe. Fonte: Instagram Niessing Hong Kong

A liga de ouro 18K pode ser encontrada em diferentes tonalidades além das acima citadas: o ouro champanhe é uma opção linda e neutra.

Existem também os raros ouro vermelho, ouro verde, ouro azul ou ouro negro. Normalmente, essas cores são feitas a partir de misturas do ouro com apenas um outro metal e são menos usados na joalheria porque suas propriedades físicas são menos adequadas ao processo produtivo padrão da joalheria, ou até mesmo ao uso da joia. Por exemplo, o níquel é um material bastante alergênico, não é um bom negócio misturar ele com ouro né?

Ouro Negro

Cuidado com a pegadinha: o ouro negro é encontrado em duas variedades. Além desse ouro 18K feito a partir da mistura de ouro e ferro, há também a variedade encontrada do ouro 18K banhado a ródio negro. O acabamento deste é reluzente e com reflexos cor de grafite. Para este, o nome ouro negroé meio que um apelido comercial porque a liga do ouro vai ser amarela ou branca, provavelmente. O banho de ródio negro também é usado na Prata de Lei e é uma opção linda, que dá um ar bem urbano e moderno para as nossas joias.

page3image1745824
Joias de Prata de Lei banhada em Ródio Negro: Broche Laço by Amanda De Nardi

Ouro Banhado?

Além das ligas terem cores diferentes, o ouro pode se apresentar em diferentes tonalidades devido aos banhos metálicos. É provável que você já tenha escutado o termo bijuteria banhada, e sim, o processo vale para o ouro também!

 page1image1741792

Alianças em Ouro Amarelo, Branco e Rosé, da Coleção Bee My Love by Chaumet 

Sobre o ouro, podemos dizer que a preciosidade prospera sob diversas cores e que a variedade só vem para agregar. Afinal, imagina que marasmo seria se a joalheria só existisse em um único tom de metal. Mas nem sempre a escolha é uma tarefa fácil, porque joia é joia, e queremos fazer a escolha certa na hora de compra. Agora que você já conhece as cores do ouro, fica o dilema: qual cor de ouro escolher?

Na dúvida, o mais comum é optar pelo clássico ouro amarelo. Mas vale saber: hoje em dias já temos muitas formas de espantar essa dúvida. Existem, por exemplo, muitos estudos sobre a influência das cores na nossa aparência e na mensagem que queremos comunicar pra o mundo, e as teorias do Visagismo são um super aliadas na hora de construir uma imagem pessoal bem sintonizada com a nossa beleza natural.

Por isso, no próximo texto, vamos abordar o assunto "Calorimetria e Joias". Afinal, quem não quer umas dicas sobre quais tons de ouro mais valorizam nosso visual?


Sofia Couto Amanda De Nardi



Sofia Couto é uma designer de joias e estudiosa do setor,
apaixonada de nascença por joalheria,
literatura e natureza